Carlos Cardeal

Carlos Cardeal

Nascido em Viçosa do Ceará em 31 de outubro de 1955, aos cinco anos de idade, Carlos Cardeal de Araújo foi morar em Camocim com a família para estudar. Aos treze anos ingressou no Convento de Tianguá, onde apaixonou-se pela literatura. Em Fortaleza, onde foi cursar o Ensino Médio, passou por uma livraria e viu um anúncio de concurso literário, que exigia dos pretensos candidatos uma produção de vinte folhas. Cardeal começou a escrever pelas madrugadas até perceber que já havia ultrapassado as vintes folhas e, como não poderia mais participar do concurso, resolveu finalizar a trajetória dos personagens, originando o que viria a ser seu primeiro livro, “O Terra e Mar”, publicado oito anos depois.

Em 1988, com a morte de seus pais, voltou a Camocim para assumir o comércio que pertencera a eles, mas só consegui ficar no ramo pouco mais de um ano. Foi servidor público municipal no período de 1990 a 2007. Trabalhou inicialmente no setor pessoal da Prefeitura Municipal de Camocim e posteriormente na Secretaria de Cultura por cerca de oito anos. Em seguida ocupou o cargo de agente administrativo na Academia Camocinense de Ciências Artes e Letras, onde concluiu seu segundo livro, “Ida e Volta”, no ano de 2003, e o publicou em 13 de novembro de 2004, através da ACCAL. Faleceu em Camocim no dia 11 de outubro de 2007.

Obras do autor publicadas pela SertãoCult

O Terra e Mar