Abordagens e temas da Geografia Física

Autora:
AQUINO, Cláudia Maria Sabóia de
SILVA, Francisco Jonh Lennon Tavares da

ISBN: 978-65-87429-41-0 (impresso)
ISBN: 978-65-87429-42-7 (e-book/pdf)
DOI: 10.35260/87429427-2020
Ano de publicação: 2020
200 páginas

Como citar:
ABNT: AQUINO, Cláudia Maria Sabóia de; SILVA, Francisco Jonh Lennon Tavares da (Orgs.). Abordagens e temas da Geografia Física. Sobral-CE: Editora SertãoCult, 2020.

APA: Aquino, C. M. S.; Silva, F. J. L. T. (Orgs.). Abordagens e temas da Geografia Física. Sobral-CE: Editora SertãoCult, 2020.

Baixe aqui o seu livro


APRESENTAÇÃO

Adentrar no livro Abordagens e Temas da Geografia Física é uma aventura prazerosa, pois permeia temas diversificados sobre a natureza desde as bases epistemológicas até os estudos fundantes da Geografia Física, pautados no conhecimento geomorfológico e pedológico.
Ocorre que as discussões teóricas em Geografia Física parecem ser deixadas de lado nos últimos anos, em uma escala temporal distante, quiçá uma década, isto posto pelos estudiosos da natureza.
Com isso, o livro começa de forma positiva ao trazer o debate da teoria à luz das discussões. Os clássicos da Geografia foram revisitados e novamente colocados à tona, dentre os citados: Ritter, Humboldt, La Blache. Enriquecidos por clássicos nossos, aqui menciono dentre tantos o nosso grandioso Carlos Augusto Monteiro.
Fica exposto que o objetivo da obra, em sua complexidade, é propiciar a divulgação das múltiplas possibilidades de leituras de temas emergentes, no caso a geodiversidade e a educação em solo; e também pesquisas e desafios contemporâneos, quais sejam as bacias hidrográficas.
A grandeza da contribuição recai, ainda, na opção pelo objeto de estudo, que nos remete aportar no espaço de vivência dos autores, no caso o estado do Piauí. Este torna-se o baluarte do olhar cobiçado dos pesquisadores, tomando-o como projeção das análises, sempre amparados com o rigor científico, em seus alicerces teóricos e
metodológicos.
O enlace traçado só é possível pela formação da equipe de pesquisadores, liderada por experientes profissionais consolidados pelos anos de dedicação à ciência, no laboratório e no campo. Contudo, a riqueza na participação do vigor científico de jovens pesquisadores e repletos na ética e no buscar o novo são fatores indissociáveis que permeiam a escrita dos capítulos.
Parece oportuno mencionar que a equipe que enlaça à obra, reconhecidamente, utilizou as técnicas cartográficas possíveis para atender aos objetivos expostos em cada capítulo, isto posto, a partir do segundo capítulo, contudo, a utilização da técnica ilustrou com maestria as informações que são pertinentes às respostas teóricas e metodológicas a que foram submetidas. Digo de outra forma que a materialidade das informações através dos recortes da natureza propostos nos mapas tornaram dinâmicas as reflexões sobre os temas.
A certeza que fica é de uma boa leitura para quem aprecia visualizar a natureza e a sua dinâmica, como também possuir o entendimento das potencialidades de convivência com os recursos naturais a partir do entendimento destes. Elucidado pelas informações, se tem vários recortes do semiárido, este diversificado, exuberante e com grande potencial de uso, preferencialmente pautado no conhecimento científico! De sorte, a condução da obra foi respaldada
por pesquisadores qualificados!
Registro o agradecimento em permitirem registrar estas poucas linhas, motivadas pela leitura dos capítulos que seguem, que certamente embevecerão os que se deslumbram as paisagens piauienses.

Prof. José Falcão Sobrinho

SUMÁRIO

A relação sociedade-natureza no pensamento geográfico: perspectivas epistemológicas

Geodiversidade, patrimônio geológico-geomorfológico e geoconservação: fundamentos conceituais

Fragilidade morfoclimática dos municípios de Castelo do Piauí e Juazeiro do Piauí, Nordeste do Brasil

Levantamento pedológico de reconhecimento de alta intensidade na planície do delta do Parnaíba- PI

Fragilidade ambiental potencial da bacia hidrográfica do rio Itaueira, Piauí

Vulnerabilidade ambiental na bacia hidrográfica do rio Poti – Piauí: estudo sobre os impactos em zonas ribeirinhas

Relação solo-paisagem da zona leste de Teresina/PI e uso de micromonólitos como ferramenta de ensino

Proposta de roteiro geoturístico para as cidades de pedras, microrregião de Picos, Piauí, Brasil

Índice remissivo