Páginas Republicanas

Organizador:

SANTOS, Carlos Augusto Pereira dos

ISBN: 978-65-5421-049-2 – e-book – pdf
ISBN: 978-65-5421-048-5 – papel
Doi: 10.35260/54210492-2023
Ano de publicação: 2023
276 páginas

Como citar:
ABNT: SANTOS, Carlos Augusto Pereira dos (Org.). Páginas Republicanas. Sobral-CE: SertãoCult, 2023.

APA: Santos, C. A. P. (Orgs.). Páginas Republicanas. Sobral-CE: SertãoCult, 2023.

Clique aqui para baixar o e-book

APRESENTAÇÃO

Organizar um livro é sempre uma possibilidade de se reunir artigos em torno de um tema comum. A historiografia brasileira é fecunda em exemplos de esforços dessa natureza, onde grandes projetos editoriais são organizados não somente para dar um balanço das pesquisas desenvolvidas por vários pesquisadores sobre temáticas diversas, não somente de caráter revisionista, mas também, uma oportunidade de se agregar múltiplas sínteses visando ampliar o público leitor num esforço de popularização da História, no bom sentido do termo, notadamente entre professores e estudantes do ensino médio. […] Daqui da nossa tribuna, sempre que chegamos ao oitavo período do curso de História, ministramos a disciplina de História do Brasil III (República) e procuramos saber que assuntos e temáticas os alunos estão desenvolvendo como Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC’s).
Na grande maioria dos casos, os objetos de estudo têm um pé no período republicano, temporal e espacialmente, e enfocando temas relativos à história local. […] Deste modo, os trabalhos desta obra coletiva, em sua multiplicidade e variedade, foram agrupados em cinco marcos cronológicos da história republicana já consolidados na historiografia brasileira.

Carlos Augusto P. dos Santos
(Organizador)

SUMÁRIO

O Brasil e o Ceará em páginas republicanas / 5

PRIMEIRA REPÚBLICA (1889-1930)

Eleitores e representação política: o alistamento eleitoral do município de Camocim-CE, 1898 / 11
Carlos Augusto Pereira dos Santos

“A terra cearense era nota de contraste”: as crises sociais como retrato do descaso dos governos com o Ceará / 25
Maria Samily Vieira Ribeiro

Do espaço religioso ao espaço biológico: a beata Maria de Araújo e “O Milagre de Juazeiro” / 37
Bruna Karina Ferreira de Lima Melo

Entre a Literatura e a História: a Primeira República Brasileira sob o olhar de Lima Barreto, na obra “Os Bruzundangas” / 51
Ana Kayane Melo da Ponte

A mulher, o casamento e a perversão: a sociedade brasileira na obra O Cortiço, de Aluísio Azevedo / 63
Ana Sara Melo Rocha do Nascimento

O advento do sistema republicano e os movimentos feministas de primeira onda no Brasil (1889-1930) / 83
Francisca Gomes da Silva

SEGUNDA REPÚBLICA (1930-1945)

Lutas e conquistas das mulheres no período republicano brasileiro / 101
Thais Alves da Silva

As bodas de prata do Círculo de Operários e Trabalhadores Católicos de São José em Fortaleza / 115
Mônica Gomes Paiva

TERCEIRA REPÚBLICA (1945-1964)

Diversidade religiosa no distrito de Amanaiara – Reriutaba-CE / 131
Francisca Andressa da Silva Rodrigues

QUARTA REPÚBLICA (1964-1985)

Apropriação e recepção das ideias feministas como forma possível de resistência à ditadura civil-militar no Brasil (1975-1980) / 149
Francisco Guilherme Silva Oliveira

Os movimentos femininos durante a ditadura civil-militar brasileira (1970-1985) / 167
Maria Antonia Silva do Nascimento

O discurso literário e as representações do movimento guerrilheiro na ditadura civil-militar brasileira na obra O Que É Isso Companheiro?, de Fernando Gabeira / 183
Leandro de Oliveira Félix

Tô Feliz (Matei o Presidente): Crise no Governo Collor (1990-1992) e os reflexos de uma sociedade indignada / 195
Denilson de Paula Silva

Blues brasileiro: a história do blues cantada pelo Brasil / 211
Filipe Gomes de Andrade

A institucionalização da memória: uma análise comparativa entre a construção das Comissões da Verdade no Brasil e no Chile pós-ditadura militar / 227
Fernanda Christina Marques Loiola

Os impactos da pandemia – Coronavírus (Covid – 19) na educação nos anos (2020/2021) / 243
Milena Rodrigues Costa

Processo de ensino-aprendizagem de História do Ceará no Período Republicano (1887 a 2022) no Ensino Básico / 255
Francisco Joelson de Jesus Cosmo

A luta das periferias sobralenses por visibilidade, reconhecimento e pela ruptura do autoritarismo (2017-2022) / 265
Francisca Valquíria de Vasconcelos